terça-feira, 27 de maio de 2008

Gripe dos Sousas

Gripe obriga José Sócrates a receber assistência hospitalar [...] até ironizou sobre o assunto

[01’00’’] «Estou óptimo, e quero garantir o seguinte: é que o médico nada me disse, sobre se esta gripe era consequência de alguma síndrome de abstinência, relativamente ao facto de há 5 dias não fumar»
.

O médico não disse, porque não havia nada a dizer sobre esta estranha ligação, a menos que o próprio doente colocasse essa hipótese. Nesse caso, o médico expunha a impossibilidade da cessação tabágica originar uma gripe, e sempre podia encaminhar o caso para a Psiquiatria, e aí, a panóplia de diagnóstico seria infindável, não para a gripe, mas quiçá para a perturbação mental.



Se não visualizar o vídeo, click AQUI

.

Nota:

Critérios de diagnóstico para 292.0 ABSTINÊNCIA DE NICOTINA [F17.3]

A. Utilização diária de nicotina durante, pelo menos, várias semanas.
B. Interrupção abrupta da utilização de nicotina ou redução da quantidade de nicotina utilizada, seguida nas 24 horas seguintes por quatro ou mais dos sinais seguintes:
(1) humor disfórico ou deprimido;
(2) insónia;
(3) irritabilidade, frustração ou raiva;
(4) ansiedade;
(5) dificuldades da concentração;
(6) inquietação
(7) diminuição da frequência cardíaca;
(8) aumento do apetite ou ganho ponderal.
C. Os sintomas do Critério B causam sofrimento clinicamente significativo ou défices
no funcionamento social, ocupacional ou de outras áreas importantes.
D. Os sintomas não são devidos a um estado físico geral ou a qualquer outra perturbação mental.

In American Psychiatric Association (2002) Manual de Diagnóstico e Estatística das Perturbações Mentais. DSM-IV-TR, 4ª Ed., pág. 266. Lisboa, Climepsi Editores.

.

Este post foi também publicado no CC&Cª.

2 comentários:

JPG disse...

Já me tinha esquecido disto. Nesse mesmo dia coloquei a gravação das espantosas declarações de S. Ex.ª na YouTube.

http://youtube.com/watch?v=in4_IvxiWCg

Curiosa disse...

E eu esqueci-me de pesquisar no youtube...

É curioso que no Sapo Vídeos, não se encontre um vídeo da SIC com a fumaça no avião e com esta graçola da síndrome. Em compensação encontrei esta pérola, anterior à gripalhada, mas que assenta que nem uma luva.

O nosso primeiro, devia ensaiar melhor os gracejos. As piadinhas saem-lhe sempre tão mal, ocas, falsas, a troçar do Tuga. O narcisismo dá nisto.

E já agora, no hospital público passou pelo rastreio ou teve logo a fitinha rosa VIP?

Caso algum jornalista lho tivesse perguntado, de certo que JS alegaria desconhecimento do rastreio como protocolo nas urgências hospitalares. Enfim...